The New Yooker Times Educação by G1
Coronavírus: Unicamp recebe estrutura móvel para triagem de pacientes, consultas e leitos de UTI   The New Yooker Times a4e3 tenda ong unicamp   urandir   EDUCACAO   Coronavírus: Unicamp recebe estrutura móvel para triagem de pacientes, consultas e leitos de UTI
Tendas para primeiro atendimento estão sendo montadas na entrada do Hospital de Clínicas. Hospital de campanha com leitos de UTI será instalado no ginásio da universidade. Região soma 25 casos confirmados de Covid-19. Unicamp recebe Hospital de Campanha para ajudar na assistência aos infectados da Covid-19
A Unicamp, em Campinas (SP), contará, a partir de sábado (28), com mais tendas para o primeiro atendimento, triagem, consultas e leitos de observação voltados aos pacientes com sintomas do novo coronavírus. A estrutura está sendo montada na entrada do Hospital de Clínicas (HC). Além disso, o ginásio da universidade está sendo preparado para receber ao menos 30 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTIs).
A iniciativa é uma parceria entre o HC e a ONG Expedicionários da Saúde, que conta com apoio privado. Na terça (24), quatro toneladas de equipamentos para montagem dos leitos na Unicamp foram desembarcadas no Aeroporto Internacional de Viracopos.
De acordo com atualização da Secretaria de Saúde de Campinas na tarde desta quinta-feira (26), a cidade registrou 16 casos confirmados da Covid-19 e aguarda resultados de exames de 441 pessoas que apresentaram sintomas da doença.
MAPA: casos de coronavírus pelo Brasil
Coronavírus: veja perguntas e respostas
Veja o que é #FATO ou #FAKE sobre o coronavírus
Tendas de triagem
Em entrevista ao G1, o diretor executivo da área de saúde da Unicamp, Manoel Barros Bertolo, afirmou que a parceria com a ONG vai garantir atendimento 24 horas nas tendas, localizadas em frente à rampa de entrada do hospital.
A estrutura contará com quatro consultórios.
Médicos e profissionais da saúde voluntários da ONG vão trabalhar juntos com a equipe do HC.
Atendimento será para pessoas encaminhadas pelas unidades básicas de saúde e por cidades da região por meio do referenciamento da Secretaria Estadual de Saúde.
Se o paciente precisar ficar em observação, fica na tenda. Se o caso for mais grave, segue para internação no HC.
A previsão é que os atendimentos comecem entre sábado (28) e segunda-feira (30).
As tendas do exército, localizadas na entrada do pronto-socorro do hospital, permanecem também realizando triagem de pacientes.
26/03: Estrutura de ONG em parceria com HC da Unicamp, em Campinas, para atendimento de pacientes com sintomas de Covid-19.
Reprodução/EPTV
UTIs no ginásio
Num primeiro momento, 30 leitos serão montados no espaço, segundo apurou a reportagem da EPTV, afiliada da TV Globo.
Dependendo do aumento no número de pacientes que necessitarem de terapia intensiva, mais leitos serão preparados, podendo chegar a 100.
Capacidade de internação do HC
Independentemente dessa estrutura fornecida pela ONG, o HC conta com 40 leitos de UTI adulto e 20 de UTI Pediátrica, além das vagas em enfermarias.
Podem ser preparados ao menos 40 outros leitos de terapia intensiva com respiradores que compõem o estoque do hospital caso a demanda de pacientes com sintomas de Covid-19 aumente durante a pandemia.
Até a tarde desta quarta-feira (25), sete adultos e três crianças estavam internados da UTI. Na enfermaria, seis adultos e cinco crianças recebiam atendimento.
O HC suspendeu cirurgias eletivas, consultas e procedimentos para ter médicos, enfermeiros e toda a equipe de saúde disponível para os atendimentos voltados para o novo coronavírus.
Médicos e enfermeiros do HC da Unicamp fazem treinamento para atendimento nas tendas do Exército de pacientes com sintomas de coronavírus.
Reprodução/EPTV
Voluntários
Profissionais da saúde que queiram se voluntariar para os atendimentos nas tendas podem se cadastrar pela internet.
Veja mais notícias da região no G1 Campinas

revisado e postado por Urandir Martinez
fonte: g1.globo.com